26.01.2017 - 04:30

Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte


Marisa Letícia, esposa de Lula, está em coma induzido e estado é crítico, afirma médicos do Sírio Libanês

As informações foram repassadas por dois médicos do hospital em caráter reservado. Nesta manhã nem o Sírio, nem a família nem o Instituto Lula divulgaram informações oficiais a respeito da recuperação de Marisa.



A ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva, que foi submetida ontem a uma arteriografia cerebral (procedimento similar a um cateterismo) em razão do rompimento de um aneurisma, segue entubada, em coma barbitúrico (induzido por medicamentos) e com um catéter intracraniano para medir a pressão cerebral, segundo médicos do hospital Sírio Libanês.

As informações foram repassadas por dois médicos do hospital em caráter reservado. Nesta manhã nem o Sírio, nem a família nem o Instituto Lula divulgaram informações oficiais a respeito da recuperação de Marisa.

Um dos médicos negou a informação de que Marisa estaria sem atividade cerebral. Disse que se trata de “invenção”, mas que seu estado é crítico. O sangramento foi debelado, mas ainda resta muito sangue no cérebro da ex-primeira-dama.

Outro médico do Sírio informou que as 48 horas seguintes a esse tipo de procedimento são decisivas para determinar as chances de recuperação do paciente. Seria difícil avaliar as condições do cérebro de Marisa neste momento, em que ela ainda está em coma induzido para dar um “descanso” à atividade cerebral. “Essas hemoragias são gravíssimas”, afirmou.

Estadão

 


Comentários

Colunistas

ver todos os colunistas

Vídeos

ARIANO SUASSUNA POR ELE MESMO

ARIANO SUASSUNA POR ELE MESMO


OS ZÉ DA PARAÍBA

OS ZÉ DA PARAÍBA


ver todos os vídeos