01.12.2017 - 08:22

Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte


Dirigente de entidade diz que o governador Ricardo Coutinho tem nojo dos lojistas da Paraíba

Segundo ele, a lei estadual que entra em vigor no próximo ano e exige CPF nas notas fiscais prejudica o setor.



Falta de incentivo a campanhas e uma lei estadual que penaliza o Comércio com pagamento de multa levaram o presidente da Federação das Câmara de Dirigentes Lojistas, José Lopes da Silva Neto, a fazer uma série de críticas ao governador Ricardo Coutinho. Para ele, o gestor estadual demonstra ter nojo da categoria.

As declarações ocorreram durante entrevista ao Portal ReporterPB. Ele ressaltou que há algum tempo tenta uma aproximação com o Governo para realização de campanhas que possam impulsionar as vendas do comércio, a exemplo de ‘Liquidas’ e ‘Natal Premiado’, no entanto, sem sucesso.

“É lamentável que nós tenhamos um governador que tem nojo da nossa classe”, afirmou.

Lopes ressaltou a importância do apoio do Poder Público para o Comércio. “Quando apresentamos um projeto não estamos pedindo absolutamente, estamos querendo parceria e é isso que a Federação busca, um parceiro, independente da sigla partidária”, frisou.

Segundo ele, a lei estadual que entra em vigor no próximo ano e exige CPF nas notas fiscais prejudica o setor.

“Em compras a partir de R$ 500 o consumidor será obrigado a fornecer seu CPF. Se por algum motivo você não portar o seu CPF e o Lojista que efetuar essa compra não inserir o documento na nota, ele será penalizado, multado por cada cupom fiscal emitido”, explicou.

Ele defendeu que o governador tenha “sensibilidade” e receba representantes do Comércio para um diálogo em prol da Paraíba. “A Paraíba não pertence a Ricardo Coutinho. A Paraíba é dos paraibanos, é nossa”, disse.


Comentários

Colunistas

ver todos os colunistas

Vídeos

XANGAI E MACIEL MELO. UM SOM....

XANGAI E MACIEL MELO. UM SOM....


SALVE ZÉ MARCOLINO E LUIZ GONZAGA

SALVE ZÉ MARCOLINO E LUIZ GONZAGA


ver todos os vídeos