16.02.2017 - 15:31

Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte


Deputado Renato Gadelha revela articulação para inviabilizar CPI da Energisa na Assembleia Legislativa

Mesmo já tendo sido protocolada com 20 assinaturas, Renato duvidou que a CPI dê andamento na Casa. Segundo o parlamentar, forças contrárias estão trabalhando para evitar sua instalação.



O deputado estadual Renato Gadelha (PSC) revelou, nesta quinta-feira (16), que existem forças contrárias dentro da Assembleia Legislativa para que não seja instalada a CPI da Energisa que visa investigar denúncias de que a concessionária de energia estaria instalando ‘gato’ para lesar consumidores na Paraíba.

Mesmo já tendo sido protocolada com 20 assinaturas, Renato duvidou que a CPI dê andamento na Casa. Segundo o parlamentar, forças contrárias estão trabalhando para evitar sua instalação.

“A gente sente o burburinho dentro da Assembleia para que isso não ocorra. Existe uma acorrente que não quer a implantação da CPI”, afirmou Gadelha.

Para Renato Gadelha, pessoas influentes da Energisa estariam trabalhando junto aos parlamentares para que a CPI não seja implantada.


Comentários

Colunistas

ver todos os colunistas

Vídeos

ARIANO SUASSUNA POR ELE MESMO

ARIANO SUASSUNA POR ELE MESMO


OS ZÉ DA PARAÍBA

OS ZÉ DA PARAÍBA


ver todos os vídeos