11.01.2018 - 15:48

Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte


Cartaxo pede pressa a oposição e definir nome para concorrer ao governo ainda no mês de janeiro

Em entrevista ao programa Rádio Verdade, da Arapuan FM, ele reafirmou que o prazo máximo para isso é janeiro.



O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), nesta quinta-feira (11), voltou a demonstrar pressa na definição sobre quem será o candidato a governador pelo grupo de oposição nas eleições de outubro próximo. Em entrevista ao programa Rádio Verdade, da Arapuan FM, ele reafirmou que o prazo máximo para isso é janeiro.

“Temos que começar a construir agora pois já debatemos o ano passado inteiro. Se a oposição quer apresentar algo novo, que leve qualidade de vida para a Paraíba e todos os seus municípios, esse momento é agora, em um debate sem imposições sem ninguém querer se consolidar na marra, à força”, declarou. 

Para Luciano, é vital que o grupo oposicionista não apenas aglutine partido em torno de um projeto único, mas estabeleça um diálogo com a população paraibana com o intuito de saber o que ela espera: “não é só juntar legendas, é preciso conversar com o povo, construir um consenso para apresentar um nome à sociedade”.

Cartaxo ainda levantou a possibilidade de ser apresentada mais de uma candidatura para concorrer contra o pré-candidato indicado pelo governador Ricardo Coutinho, o secretário João Azevêdo (PSB): “independente de quantas candidaturas, a unidade é o caminho para a vitória, se fraciona, facilita a vida de quem está no governo”.


Comentários

Colunistas

ver todos os colunistas

Vídeos

COMPORTA DO AÇUDE DE BOQUEIRÃO É ABERTA

COMPORTA DO AÇUDE DE BOQUEIRÃO É ABERTA


DESCASO NO HOSPITAL EDSON RAMALHO, EM JOÃO PESSOA

DESCASO NO HOSPITAL EDSON RAMALHO, EM JOÃO PESSOA


ver todos os vídeos